top of page
IMG_2940.JPG
latitudes-braziliancoffees-2024-PT-13.png

37

REGIÕES

PRODUTORAS

DE CAFÉ

INDICAÇÃO GEOGRÁFICA: PROTEÇÃO DA HERANÇA DO CAFÉ, QUALIDADE E SUSTENTABILIDADE

Quatorze das 37 regiões produtoras de café do Brasil conseguiram a marca de Indicação Geografica atestando seus sabores únicos produzidos em harmonia com a natureza e agregando valor ao café brasileiro.

O Brasil tem mais de 300.000 fazendas produtoras de café,
experiências únicas a serem descobertas e histórias maravilhosas a serem contadas. Desde 1991, uma revolução de qualidade começou no país.

O café é um vetor social, econômico e proteção ambiental que devemos preservar. 

latitudes-braziliancoffees-2024-PT-15.png

EFEITO

DAS LINHAS

DE LATITUDE

IMG_6382_edited.jpg

Diversidade! Diferentes perfis de sabor! Cafés exclusivos!

Já percebeu que o café é um dos produtos mais dinâmicos do mundo?

 

Desde a origem, quando reparamos naquele arbusto selvagem na Etiópia, a cada dia surgem novas descobertas que nos fascinam.

 

De novas variedades e novas técnicas de manejo da lavoura a métodos de preparo, em toda a cadeia produtiva, este é um mercado que evolui e muito, em um ritmo acelerado.


Nesse turbilhão de novos conceitos, há um que nos diz muito sobre o Brasil: o paradigma altitude x latitude. Diferentemente do que sempre se acreditou, cafés cultivados nas mais diversas altitudes podem apresentar resultados belíssimos na xícara.

 

Quando reparamos nas latitudes, ao passo que nos distanciamos do Equador, os invernos são mais frios e a temperatura média mais baixa. Desta forma, a maturação do fruto será mais longa, e a doçura, marcará presença em seu sabor.

 

Por outro lado, aos nos aproximarmos, temos uma mata tropical, onde se desenvolvem robustas de especialidade de complexidade de dar inveja a muitos terroirs. Sim, o café é essa bebida em transformação, em descoberta, em movimento. E a Latitudes Brazilian Coffees nesta que é a quarta onda da bebida.

bottom of page